fbpx
Preloader logo

Gênios de Caratinga e Teófilo Otoni abusam da imaginação em releitura de obras literárias

A cada mês, os gênios do Ensino Fundamental do Genoma de Caratinga e de Teófilo Otoni fazem uma releitura de clássicos literários ou da literatura moderna. No primeiro momento, eles leem as histórias e fazem uma prova de conhecimento sobre a obra. Depois, eles apresentam a percepção que tiveram sobre a história lida, seja de maneira lúdica ou artística.

Em Setembro, os alunos do 6° ano trabalharam o livro “A ilha perdida”, da escritora Maria José Dupré. Paralelo a eles, os gênios do 7° ano viajaram nas aventuras de um herói antigo, mas muito conhecido: Robin Hood, por meio da adaptação do escritor Joel Rufino dos Santos. Já os alunos do 8° ano leram o livro “Depois daquela Viagem”, cuja autora é Valéria Polizzi e o 9° ano, “Revolução em mim”, de Márcia kupstas.

De acordo com a professora de Redação e Literatura, Lara Mello, os livros são escolhidos previamente e auxiliam os gênios na compreensão dos gêneros literários que são estudados ao longo do ano. Ela destacou ainda que a releitura é importante para se verificar o que e o quanto os gênios absorveram da história trabalhada e como isso os influenciaram.

“O objetivo da releitura é trabalhar com a real visão do aluno diante da obra, com o subjetivo dele para averiguar se ele entendeu as temáticas colocadas nas histórias”, explica Lara.

Confira os trabalhos dos alunos: 

 

div#stuning-header .dfd-stuning-header-bg-container {background-color: #653e86;background-size: cover;background-position: top center;background-attachment: scroll;background-repeat: no-repeat;}#stuning-header div.page-title-inner {min-height: 200px;}